Tendência para comunicação em 2019

O ano de 2018 já nos deu várias pistas do que vem por aí.

A transformação digital é uma realidade. O consumidor se tornou protagonista e percebe claramente o alinhamento de comunicação e de propósitos de uma empresa. Esse é o momento para as empresas se adequarem ao mercado, prestar atenção aos dados disponíveis online para entender o comportamento do seu consumidor.

Reunimos 6 tendências mais quentes para que sua empresa possa fazer uma transformação individual e criar um canal claro de comunicação com o seu consumidor:

1. Seu consumidor quer ser ouvido
As pesquisas mundiais mostram que o consumidor quer interagir com as marcas que fazem parte da sua vida. Então, vale a pena investir em pesquisas e avaliações periódicas para entender o seu cliente e melhorar a estratégia de marketing.

2. Simplicidade e funcionalidade no design
O “menos é mais” nunca sairá de moda. Por isso, esse “mantra” continua em 2019, permeando em todas as concepções do design, desde layout para sites, identidades visuais, identidades corporativas entre outras aplicações. Outra característica que está em alta é a funcionalidade. A experiência do usuário precisa ser facilitada. Assim, a tecnologia está cada dia mais focada em funcionalidades e também no aspecto intuitivo.

3. Influenciadores digitais
2018 mostrou que os influencers tem poder, mas o poder agora não está somente na mão dos grandes! As agências estão de olho nos influenciadores menores, que possuem em seus canais até 50.000 seguidores ou menos.

Estes ícones digitais possuem proximidade com seu público, conhecem intimamente cada um e interagem com eles. O que isso significa? Maior engajamento da marca.

Nem sempre quem tem um público altíssimo possui pessoas interessadas naquele conteúdo e pecam pela falta de comunicação individual, não conseguindo interagir intimamente com seus seguidores. Quantidade não é qualidade. Os influenciadores “menores” tendem a crescer em importância nas agências, ainda mais se forem especialistas em uma determinada área.

4. Vídeos
Sabemos que as pessoas estão cada vez mais conectadas na internet, porém, o volume de informação aliado a multitarefas, estão deixando as pessoas mais dispersas.  Para chamar mais atenção, os vídeos estão em alta. Os usuários buscam mais que apenas ler conteúdos escritos, eles precisam de estímulos maiores para se manterem atentos às telas. Invista em vídeos.

Os canais no Youtube também são fontes de informações para maioria das pessoas que pesquisam por determinado assunto.

5. Inteligência artificial
Ao integrar a inteligência artificial e sua capacidade de monitoramento ao banco de dados das empresas e aos sistemas de gestão de relacionamento com o cliente é possível, por exemplo, gerar campanhas muito mais eficientes, que segmentam a audiência e entregam apenas ao perfil desejado. A IA terá impacto desde a criação de uma campanha (com os dados captados dos clientes) até a forma de entrega, com a inteligência e a segmentação proporcionada pela tecnologia.

6. Marketing social
Um bom empreendedor é aquele que sabe não apenas desenvolver um negócio e ter lucros a partir disso, mas também transformar a sociedade a seu redor.

É nesse contexto que entra o marketing social, que usa conhecimentos e técnicas do mercado para criar ações que ajudem a promover o bem-estar de alguma esfera da sociedade.

Se você tem um negócio, seja ele online ou físico, saiba que o marketing social é uma ótima maneira de ajudar positivamente as pessoas e, ao mesmo tempo, divulgar mais sua marca.

Conclusão
Vimos que alguns cenários já estão bem definidos, como mais interatividade, inteligência digital e preocupações sociais. A comunicação continua sendo um campo fértil para aproximar público e marca, garantindo excelentes negócios dos dois lados.

Quer fazer um plano de comunicação para 2019? Venha conversar conosco.

comunik@comunik.com.br